Arte

Arte: Sem ela, estamos perdidos!

Me lembro a primeira vez que tive consciência de estar atriz num palco…

A peça era “Morte e vida Severina”. O teatro municipal de Piracicaba estava lotado e senti um formigamento no estômago quando entrei em cena. Pude ver o olhar encantado de cada um que ali estava… imersos na história que contávamos! Ao fim da peça, todos levantaram para aplaudir e não existem palavras que descrevam a sensação que senti naquele instante.

A arte faz isso. Salva momentos.

Ela tem a função de te fazer entrar em contato com algo que não existe descrição!

Muitas vezes andamos distraídos demais, e a arte cumpre esta função de te chamar de volta.

Em busca daquela sensação que não se descreve, sempre gosto de colocar minha arte no mundo. Gosto de construir imagens e contar histórias através delas…

Aqui, compartilho um pouco de minha alma criadora: `as vezes interpretando personagens outras vezes na construção de sua identidade.

É como fazer magia: você sente a energia sutil e dá vida pra ela!

Arte vem da alma. Emociona e Transforma.

Cine musas inspiração – Gênios e grandes obras

Este projeto acima de tudo é uma singela homenagem para alguns dos grandes gênios da humanidade. Uma paixão em comum entre os artistas aqui reunidos, norteou uma profunda pesquisa cinematográfica, e inspirou o trabalho de todos durante meses. O cinema é o foco, as raízes das obras abordadas envolveram cada olhar, os diretores, suas vidas, escolhas e heranças, permearam a fundo as vontades e retratos. Viva a Sétima Arte, e amor que move as visões e novas gerações. Nessa primeira edição, os gênios escolhidos – não por importância ou preferência, mas pelo melhor que cada um aqui poderia dar – Wong Kar Wai ( In the mood for love), Alfred Hitchcock ( Notorious), Pedro Almodóvar (Volver), François Truffaut (La mariée en Noir), Quentin Tarantino (Bastardos Inglórios), e Ingmar Bergman (Persona).
Idealização e Direção: Frann Ferraretto
Fotos e Arte: Luis Paulo Luciano
Visagismo: Andre Florindo.
Atrizes: Cris Matsuoka, Gabriela Ramos, Frann Ferraretto, Paula Spinelli, Camila Anzolin e Carol Vidotti.

Retratos do sagrado feminino

Retratar o Sagrado Feminino requer magia. Neste trabalho, unimos todos os mistérios e as maravilhas da energia feminina, dando vida a imagens que mostram a entrega, a sedução, a beleza, a força e a sensualidade da mulher.
Direção criativa: Cris Matsuoka
Fotos/ olhar: Claire Alice Jean
Atriz/ modelo: Frann Ferraretto
Paisagismo: Andre Florindo
Produção: Bruno Ribeiro

Antes de partir

Livremente inspirado nos filmes: “Amor a flor da pele” e “2046” do diretor Wong Kar Wai, este ensaio conta a história de um viajante que se apaixona por uma mulher em um de seus destinos. Antes de partir, se encontram para uma última noite juntos.
Fotos pelo olhar de Carol Teresa,
Make Anderson Benite,
Hair Beatriz Pires,
Concepção, Direção de arte, Figurino: Cris Matsuoka
Modelos: Cris Matsuoka e Carl Mitzeh

Tokio moderno

Fotos pelo olhar do fotógrafo: Leo Cavallini.
Produção, Styling, Figurino e Modelo: Cris Matsuoka
Agradecimento e Apoio: Casa Juisi pelos Kimonos usados nas fotos

Desconstrução

Ensaio feito nas ruínas da vila dos pescadores em Piracicaba. Fotos pelo olhar do fotógrafo Gabriel Chiarastelli.
Produção, beleza e modelo: Cris Matsuoka

Concreto em movimento

Fotos de um dos primeiros ensaios fotográficos que fiz como modelo, pelo olhar do fotógrafo Gabriel Chiarastelli, para o trabalho da querida estilista Regina Barbosa Ramos.

Doce vida

Ensaio produzido para a querida artista Mariana Teixeira. Fotos com o seu olhar, me retratando em meu apartamento.
Produção, Arte, Figurino e Modelo: Cris Matsuoka

Projeto plumas

Desenvolvido para a oficina de autorretratos ministradas pelo Abdullah Malik, em 2012. Arte, Figurino e produção por Cris Matsuoka 

Baile de máscaras

Fotos pelo olhar do fotógrafo Leo Cavallini.
Modelo, Arte e Figurino: Cris Matsuoka
Agradecimentos para Celso Tavares e Luiza Manfrinato.

Ventre

Projeto fotográfico para estudo de movimento e luz. Autorretratos.

O Despertar da mulher selvagem

Em 2014, fiz uma viagem de reencontro com minha mulher selvagem na chapada dos veadeiros. Eu e a fotógrafa Claire Alice Jean , ficamos 12 dias descobrindo as paisagens magníficas que existem por lá. Aqui, temos algumas fotos que a Claire tirou de mim.

Discotecagem

Pensa em um país cheio de contrastes e muita diversidade, com um povo alegre, multicultural e, acima de tudo, criativo. Isso é o nosso Brasil, e foi por isso que decidi seguir na discotecagem tocando apenas Brasilidades.
A música brasileira é muito rica. Cheia de ritmos e muito gingado. É uma delícia passear por todas essas possibilidades quando crio um set. É como construir uma narrativa: Tem começo, meio e fim, mas precisa de um pouco de conflito, de pausas e agitos para surpreender quem curte a pista.
Faço discotecagem por Hobby. Mas você pode me encontrar tocando em uma festa de São Paulo ou me contratar para fazer um set no encontro de seus amigos.

Quer saber mais?

Mais informações pelo Whatswaap: 11 992692956 ou por email: oi@crismatsuoka.com.br

Depoimento:

Explorar a chapada dos Veadeiros durante uma semana com a musa Cris, procurando inspiração, foi uma experiência intensa, na terra da arte e da psyque criativa. Cris não recuou diante das dificuldades de percorrer longas trilhas, de se perder e se deixar guiar por um casal de araras sobrevoando nossos caminhos... Tudo foi mágico com total simbiose entre nós. CRIS é uma verdadeira artista, respirando a feminilidade em todas as situações desafiantes. Pintar e fotografar o corpo dela nos cenários sagrados, foi uma preciosidade inesquecível. Espero poder renovar um dia essas vivências que trouxeram a ancestralidade a flor da pele.

Claire Jean – Fotógrafa

oi@crismatsuoka.com.br

Cris Matsuoka© - Todos os Direitos Reservados

Design by: Studio Createam

Cadastre-se para liberar sua carta!

Preencha com seus dados e tenha acesso a Carta da Roda do Ano

Sua carta!

Pin It on Pinterest

Share This